Institucional

Reamper Lab #6: Mídia Programática na UOL

Especialistas da UOL explicam como a mídia programática é trabalhada na empresa

Nessa sexta feira (07/07), recebemos para nosso Reamper Lab os especialistas da UOL Hamilton Leão, Head de relacionamento de agência, Pedro Aloi, executivo de negócios e Kelly Santos, Strategic Account Manager Programmatic Media para um bate-papo sobre o funcionamento da mídia programática na empresa.

Hamilton e Pedro explicaram a importância de uma empresa investir em publishers e veículos de mídia credenciados e que tenham os mesmos valores para anunciarem seus produtos, negócios e serviços. A partir do momento em que uma notícia é veiculada na web, os anúncios que estão na página serão automaticamente vinculados ao site e à notícia pelos usuários.

A principal questão levantada por Hamilton foi: “Vale a pena uma publicidade gerada em grande quantidade e com muitos clicks, mas sem nenhuma qualidade no conteúdo onde ela será veiculada? ” A resposta é não! É possível analisar, por exemplo, casos de marcas que já ficaram anteriormente relacionadas à empresas que não passam credibilidade em suas notícias ao público, levando à uma imagem ruim de ambas as partes. Por esse motivo, é sempre importante que ao comprar um espaço de publicidade, questões de credibilidade, qualidade e consistência sejam analisadas.

 

 

Kelly nos explicou também um pouco mais sobre como a mídia programática é trabalhada dentro na UOL. Segundo a especialista, existe uma grande atenção e importância de itens como brand safety, ou seja, sempre manter a reputação da marca que está anunciando, qualidade do inventário, qualidade do conteúdo e autenticidade do tráfego. Todos esses itens são essenciais para que uma empresa atraia leads e mantenha a fidelidade de clientes. Esses são os pilares da UOL hoje em dia.

Em relação à mídia programática, a UOL trabalha diferentes formatos, mas sempre prioriza parceiros e empresas que buscam inventários premium e que trazem melhores resultados. Dois dos modelos mais trabalhados pela empresa são: programático garantido e venda direta. Empresas têm acesso prioritário a inventários premium, que geram maior viewability e CTR, além de formatos em destaque, escala e assertividade. É definido um preço fixo e a entrega do inventário será garantida, diferentemente das outras negociações. Em seguida existe o preferred deal, que ocorre quando os publishers oferecem um inventário com preço fixo a determinados anunciantes antes que ele fique disponível; o leilão privado com somente alguns anunciantes convidados para participarem e o leilão aberto, onde todos os anunciantes podem ter acesso ao inventário do publisher.

Além disso, Hamilton comentou sobre o valor dos dados que possuem. Através das diferentes empresas e parcerias da UOL, eles conseguem cobrir 76% da audiência brasileira. Possuem atualmente mais de 200 clusters mapeados, podendo segmentar as audiências por dados demográficos, interesses, comportamentos, dispositivos, etc.

O papo foi extremamente produtivo e descontraído. Muito obrigado UOL pela disposição e pela parceria!

 

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Início