Dados

Notícias da semana no mercado de mídia e marketing digital

Confira as principais notícias da semana (13/05 a 18/05) no mercado de marketing digital, tecnologia e e-commerce

Acompanhe aqui no blog, toda sexta-feira, nosso resumo com as principais notícias da semana e recomendações da Reamp!

 

Principais notícias do mercado na semana

E-commerce faturou R$ 2,11 bilhões no Dia das Mães

De acordo com pesquisa da Ebit, empresa referência em informações sobre o comércio eletrônico brasileiro, o e-commerce faturou R$2,11 bilhões no Dia das Mães em 2018, com um crescimento de 12% em comparação à mesma data no ano anterior. A pesquisa, que levantou dados das compras entre os dias 28 de abril e 12 de maio, registrou que o número de pedidos aumentou 2% (para 4,60 milhões), e o ticket médio aumentou em 10% (para R$459).

Entre os itens mais comprados na data, smartphones e TVs estão logo no topo da lista. O ranking de faturamento e maiores detalhes sobre a pesquisa podem ser encontrados no site E-commerce Brasil.

 

Evento organizado pela Digitalks tem o Mobile Marketing como tema central

Conferência Mobile Marketing 2018 aconteceu na última quinta-feira (17/05), e promoveu palestras com especialistas para discutir sobre conceitos, ferramentas e cases focados no desenvolvimento de atividades e práticas de mobile marketing.

Nossa equipe esteve presente no evento e alguns temas abordados foram, por exemplo, desafios e oportunidades para o Marketing Digital brasileiro, marcas que estão trabalhado campanhas mobile no Brasil, pesquisa sobre M-Commerce, entre outros. Mais detalhes sobre o evento podem ser encontrados no portal da Digitalks.

 

Google anuncia Youtube Music

Empresa anunciou durante esta semana sua nova plataforma de streaming musical, o Youtube Music. O serviço, que será um grande concorrente para o Spotify, oferece uma versão gratuita com publicidade e uma versão sem anúncios, com mensalidade de US$ 9,99. Além das duas opções, também estará disponível o pacote Youtube Premium, que une o Youtube Red e o Play Music por US$ 11,99 por mês.

A nova plataforma tem como principal objetivo a descoberta de músicas baseadas no histórico e atividades do usuário. Para isso, terá recursos avançados de geolocalização e personalização de serviços, além de utilizar a Inteligência Artificial para descobrir músicas através de trechos de letras ou informações não tão detalhadas. O Youtube Music chegará ao Brasil em dispositivos móveis e desktops a partir do dia 22 de maio, e por enquanto será lançado apenas em países onde já existe o Youtube Red.

Mais informações sobre o aplicativo podem ser encontradas no portal da IDG Now.

 

Facebook aumenta lista de parceiros de marketing

O Facebook anunciou, na última terça-feira (15/05), novas mudanças em relação à divulgação e mensuração de anúncios. Sua lista de soluções de terceiros para medir a performance de anúncios está sendo expandida, ao mesmo tempo que suas tags de visualização estarão mais limitadas a partir do dia 1º de julho.

18 novos parceiros de marketing estão sendo incorporados nas áreas de marketing mix modeling, (MMM), viewability e mensuração de aplicativos móveis (MMPs). Além disso, os recursos das tags de visualização estão sendo restringidos apenas para contagem de impressões, com o objetivo de trabalharem com um conjunto mais focado.

Mais informações sobre as mudanças divulgadas pela empresa podem ser encontradas no portal Marketing Land.

 

VTEX Day 2018 reúne mais de 14 mil pessoas

Evento aconteceu durante a semana, em São Paulo, e reuniu mais de 14000 pessoas, mais de 150 palestrantes, 14 salas e 150 expositores. Considerado o maior evento de vendas multicanal da América Latina, especialistas do setor discutiram sobre tendências e inovações do mercado e contaram com a presença de grandes empresas, como Netflix, Forrester Research, Grupo Boticário, Dafiti, Netshoes, Tim Brasil, Volvo do Brasil, entre outras.

Mais detalhes do evento podem ser conferidos no site do VTEX Day.

 

Recomendações da Reamp

Por que o experimento de AR da Nike fez tanto sucesso?

Na conferência F8 deste ano, que aconteceu na última semana, o Facebook anunciou que, agora, as marcas podem utilizar sua Câmera Effects Platform para empregar realidade aumentada (AR) com bots do Messenger. Quatro marcas – Kia, Nike, Sephora e ASUS – participaram de um beta para incorporar essa capacidade. No entanto, o experimento da Nike foi o que trouxe maiores resultados entre todos.

A experiência da marca, chamada de “the secret knock”, reuniu fãs em uma atividade de realidade aumentada utilizando a câmera do celular, que permitiu que usuários vissem seu novo lançamento “Red Carpets” – tênis de edição limitada – no topo de um pedestal. O usuário poderia, então, ver o tênis sobre um ambiente real através da tela da câmera. Quando a experiência acabava, uma tela nova oferecia a oportunidade de comprar os sapatos. E assim foi feito – os produtos esgotaram em uma hora!

A Nike teve como objetivo utilizar efeitos de AR para resolver um problema real de usuários que compram online e não podem experimentar o produto antes. Entenda como funcionou a atividade e quais benefícios ela trouxe no artigo realizado pela Martech Today.

 

Gastos com publicidade digital serão 50% dos gastos de publicidade até 2020

A “Global Ad Spending: The eMarketer Forecast for 2018”, pesquisa sobre gastos publicitários realizada pelo eMarketer, revelou que a expectativa é que os investimentos na área aumentem em 7,4% em 2018, chegando à US$ 628 bilhões. Além disso, os gastos com a publicidade digital na América Latina devem crescer de US$ 10 bilhões em 2018 para US$ 14,7 bilhões em 2022.

Ainda de acordo com a pesquisa, a publicidade digital responderá por 43,5% dos investimentos, chegando à 50% em 2020. Toda essa mudança se dá, principalmente, graças ao aumento dos gastos com e-commerce e à migração da audiência da televisão para meios digitais.

Mais detalhes e números divulgados na pesquisa podem ser encontrados no site da Exchange Wire.

 

Estudo fala sobre maneiras que usuários consomem notícias e evitam fake news

Estudo global In News We Trust, realizado e divulgado pela Teads, entrevistou 16 mil consumidores de oito países diferentes – incluindo dois mil deles no Brasil – e avaliou os hábitos de consumo de notícias e publicidades em portais e redes sociais, em meio ao aumento das fake news. De acordo com os resultados divulgados, globalmente, a viralização de fake news aumentou em 75% a possibilidade de usuários procurarem notícias em sites de qualidade e que passem credibilidade, e no Brasil este número alcança 90%. O fator também inclui a publicidade, já que mais de 45% dos respondentes afirmam que a qualidade do conteúdo é a principal característica para que se lembrem do anúncio mais tarde.

Além disso, sites de notícias continuam transmitindo mais confiança do que redes sociais e televisão (32% dos usuários procuram este tipo de conteúdo entre uma e cinco vezes ao dia, enquanto 36% procuram mais de seis vezes ao dia). Redes sociais são consideradas fontes menos confiáveis para a procura de notícias, assim como o consumo de publicidade. 62% dos entrevistados assumem que utilizam o canal como fonte de pesquisa, mas apenas 11% deles confia no que lê.

Confira mais detalhes e números revelados pelo estudo no site da Teads.

 

Proxxima divulga todos os PPTs do primeiro dia do evento

O portal Proxxima divulgou, durante a semana, todas as apresentações em PPTs utilizadas pelos palestrantes no primeiro dia do evento Proxxima 2018, que aconteceu nos dias 08 e 09/05. O material inclui alguns dos temas que mais foram abordados durante os dois dias de evento, como por exemplo a era da transformação definitiva, inteligência artificial, Smartcities, blockchain e a transformação digital na mídia, além das apresentações de grandes empresas como Globosat, Facebook e Dentsu.

O material completo pode ser acessado no site do Proxxima.

Clique para comentar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Início